1. Contexto

Uma das vantagens do BoS é o facto das ações já analisadas não ficarem esquecidas. Por exemplo, a primeira análise à Tupperware é de março de 2019 e o título parece que diz tudo:

Tupperware: cash cow até morrer

Porém, a análise acaba de uma forma que indica uma possível entrada no futuro em torno dos $4 por ação, isto num momento em que a ação estava cotada a $25,3 (a desvalorização apontada era de 84%).

Entre março de 2019 e abril de 2020 o César acompanhou a evolução da empresa até que esta ingressou no TOP20 Small Caps US. Todas as análises posteriores podem ser consultadas de seguida:

Análises às ações da Tupperware

2. Resultados

As estimativas dos analistas apontavam para os $1.699 M de vendas e para um lucro de $138 M.

Tupperware Brands Successful Turnaround Under Way

As vendas foram de $1.740 M e o lucro foi de $112,2 M.

3. Pontos Positivos

Para contextualizar um pouco a situação, de seguida está a evolução das vendas da Tupperware ao longo dos últimos anos:

Conteúdo Exclusivo a Subscritores

Se já é membro

Preparado para INVESTIR nas MELHORES AÇÕES?

Tenha acesso ilimitado a conteúdo exclusivo. Mais de 1.900 análises a ações do mercado Europeu e Americano.

A evolução trimestral foi a seguinte:

A gestão conseguiu inverter a tendência de diminuição das vendas. Tendo em conta que 2020 foi um ano em que muitas empresas apresentaram quedas acentuadas do seu volume de negócios, a Tupperware viu as suas vendas diminuírem apenas 3,2% em termos anuais.

Então, qual é o ponto positivo? O lucro decuplicou em comparação com 2019 (valor base muito baixo):

O lucro pode ser influenciado por vários efeitos extraordinários, por isso, fui confirmar como é que este apareceu. A rúbrica principal que diminuiu foi a SGA, em 5%, mas que em termos numéricos representou uma diminuição de $50 M. Em 2019 foram reconhecidas imparidades no valor de $40 M e em 2020 não houve imparidades reconhecidas. Ao longo de 2020 a gestão extinguiu uma das dívidas financeiras tendo realizado uma mais-valia de $40 M.

As vendas do quarto trimestre, em comparação com o período homólogo, aumentaram 17% (20% sem efeitos cambiais):

Parece que a Tupperware começou novamente a ganhar aderência no mercado Norte-Americano, enquanto nos mercados Europeu, Ásia Pacífico e Sul-Americano começou a ser mais eficiente:

O free-cash flow aumentou 44% e foi de $197,6 M.

4. Pontos Negativos

O calcanhar de Aquiles da Tupperware é o balanço que conta com $139 M em cash, $425 M em current debt and finance liabilities e a mesma rúbrica, mas não corrente é de $259 M. Tive de ver o 10-K para perceber como esta rúbrica estava organizada:

Os leasing são de apenas $3,3 M (a gestão devia separar isto logo no balanço que está na apresentação e não mostrar apenas na pagina 81 do 10-K).

5. Perspetivas

A apresentação não indica um outlook para 2021, aponta apenas para um free cash flow por volta dos $200 M.

As estimativas dos analistas são as seguintes:

As estimativas são conservadoras no que toca às vendas, sendo que o CAGR entre 2020 e 2022 é de 6,7%, mas bastante otimistas para o EPS (CAGR entre os 30% e os 35%). Tendo em conta estas estimativas, a margem líquida apontada para 2021 é de 9,35% e para 2022 é de 11,3%.

Desde 2005 que a Tupperware não apresentou margens líquidas superiores aos 10,3%.

Tendo em conta o EPS ajustado de 2021 ($3) o PER21 é 9,5.

6. Conclusão

Eu considero que a cotação está a ser afetada pela fragilidade do balanço, mais concretamente pela falta de liquidez. Caso a Tupperware venha a refinanciar a dívida… fui ver o 10-K e temos lá seguinte a informação:

À data de 26 de dezembro a empresa possuía $251 M em linhas de crédito, pelo que afinal não parece haver problemas de liquidez.

Sendo assim, a única explicação que tenho é que o mercado ainda não está confiante no Turnaround. O miolo é: não há problemas de liquidez, em termos não correntes também não vejo motivos de preocupação e tendo em conta as estimativas a Tupperware está subavaliada. Mesmo que o EPS cresça metade do apontado (15%) o PER21 estará por volta dos 11 / 12.

7. Comentário do César

A nova gestão da Tupperware não só evitou a falência como decuplicou o Lucro anual, por isso é compreensível que a cotação tenha subido 33 bags desde lá de baixo:

Agora, o negócio continua a ser vender umas caixas de plástico para guardar comida. Não tem nada de especial e vendem-se caixas semelhantes em qualquer loja do chinês.

O Capital Próprio é negativo em $204,7 M (ainda está em falência técnica, portanto) e a capitalização bolsista está nos $1.294 M.

Penso que os múltiplos de valorização abaixo da média se justificam e é pouco provável que a Tupperware alguma vez volte ao TOP20 Small Caps US.

Disclaimer

Esta publicação é para efeitos meramente informativos e educacionais e não deverá ser entendida como uma recomendação para comprar ou vender ações.

Se entender esta publicação como uma recomendação, tenha em conta que ela é generalista e poderá não ser adequada ao seu perfil de risco, que é único. A sua situação financeira individual não foi tida em consideração pelo Autor da análise, que desconhece o perfil de risco e objetivos de cada um Subscritores do BorjaOnStocks. 

Se necessitar de conselhos financeiros personalizados, procure sempre os serviços de um profissional devidamente credenciado e autorizado pela CMVM.

O BorjaOnStocks e a sua Equipa não assumem qualquer responsabilidade por eventuais perdas ou ganhos resultantes da informação obtida nesta publicação. 

Esta publicação é propriedade intelectual de BBTOP20 – Produção de Conteúdos, Lda e destinada apenas aos Subscritores do site BorjaOnStocks. As informações e opiniões contidas nesta publicação são confidenciais. É proibida a sua transmissão ou difusão, em todo ou em parte, sem autorização expressa.

Consulte o Disclaimer completo do Borja on Stocks.

Deixe uma resposta

Preparado para INVESTIR nas MELHORES AÇÕES?