FlowTraders: Susto de Regulação

As empresas que estão de alguma forma ligadas aos mercados financeiros sofrem o risco de uma mudança nas regulações (as Leis) que afetam o setor.

Até o Borja on Stocks, que pertence a uma micro-empresa chamada BBTOP20 – Produção de Conteúdos, Lda, sofre com esse risco, ainda que no segmento de research as mudanças regulatórias mais recentes sejam no sentido favorável à existência e crescimento do Borja on Stocks.

Hoje a FlowTraders foi atingida com a seguinte notícia:

Após várias horas de investigação e ainda com informação incompleta e imperfeita (é impossível conhecer toda a legislação), penso que esta notícia não terá qualquer impacto no valor fundamental da FlowTraders. Isto porque os requisitos das regras europeias já eram amplamente cumpridos pela empresa.

O principal requisito que está aqui em causa é que a as empresas de proprietary trading (que transacionam com o seu próprio capital) têm de ter 25% dos seus Fixed Overhead Costs em capital. A FlowTraders tem cerca de 112 M€ de custos operacionais totais por ano e um capital de 247 M€. Portanto o rácio aqui é de 220%.

A FlowTraders lançou o seguinte press release:

Uma das leis que também poderá afetar é que os bónus não podem ser mais do que os salários, ou seja, o bónus só pode ser até 100% de um salário. Por isso dizem que isso pode afetar a política de remuneração da empresa a partir de 2020.

Existe muita indefinição, incerteza e medo e a ação abriu hoje num novo mínimo histórico, quebrando o suporte dos 19,19 €:

O volume está bastante elevado e obviamente seria muito positivo se a ação conseguisse recuperar e fechar acima dos 19,19 €, pois isso demonstraria que os bears teriam motivos infundados e provavelmente daria a gasolina necessária para inverter a tendência descendente.

Eu já demonstrei em várias ocasiões que não tenho qualquer problema em vender a perder se considerar que essa atitude é racional do ponto de vista da Análise Fundamental. Neste caso as indicações que tenho apontam no sentido contrário, ou seja, que estão a vender com motivos infundados, pelo que os meus motivos anteriores para deter esta ação estão intactos.

Vamos ver como correm os próximos dias, de qualquer modo foi pena não ter esperado mais uns dias para entrar nesta ação. Se eu tivesse uma bola de cristal que previsse o futuro … ainda por cima estive a ler os Risk Factors no relatório anual (há uns dias) e não estava lá identificado este risco, provavelmente porque ele não existe, ou seja, esta notícia é mais uma questão de folclore que de substância. Claro que a empresa não vai dizer que uma medida do Banco Central não tem efeito nenhum, claro que tem de dizer que vai avaliar com calma, mas eu fiz a minha avaliação (aquela que podia, no tempo que tinha) e concluo que a FlowTraders deve permanecer no Portfolio TOP10 Amesterdão.

Disclaimer

Esta publicação é para efeitos meramente informativos e educacionais e nunca deverá ser entendida como uma recomendação de compra ou venda de ações. O BorjaOnStocks e a sua Equipa não assumem qualquer responsabilidade por eventuais perdas ou ganhos resultantes da informação obtida nesta publicação. Se necessitar de conselhos financeiros, procure sempre os serviços de um profissional devidamente autorizado e credenciado. 

Consulte o Disclaimer completo do BorjaOnStocks.