Análise Fundamental às ações da NOS

1ª Parte – Enquadramento Histórico

Habitualmente começo por reler as análises realizadas anteriormente para entrar rapidamente no contexto e vou fazer o mesmo para a NOS. Estranho que, em vinte meses de Borja on Stocks, apenas a tenha analisado por três vezes:

Nota: Estas análises só estão disponíveis para os subscritores do serviço premium do Borja on Stocks. 

Nas três análises, resumidamente, o que escrevi foi que acima de €5 por ação a NOS estava claramente sobre-avaliada e que só pelos €4,20 é que deveria voltar a olhar para ela… foi por isso que a analisei tão poucas vezes no passado, ela nunca mais caía!

Mas hoje, pela primeira vez desde janeiro de 2015, veio abaixo dos €5:

Vou então atualizar os gráficos das tendências fundamentais já com os dados de 2016.

O Valor de Mercado, que chegou a ser de apenas €717 milhões em 2011, está agora nos €2 560 milhões:

As Vendas foram de €1 515 milhões em 2016 (ligeiramente acima das estimativas, que apontavam para €1 513 milhões):

No Lucro é que a porca torceu o rabo, porque os analistas esperavam €98 milhões e o n.º quedou-se pelos €90,4 milhões:

O PER de 2016 fixou-se nos 32, um dos mais elevados da Euronext Lisboa, mas ainda assim abaixo do PER de 44 em 2015. As ações estão a reagir aos resultados de forma muito negativa:

E agora, quais são perspetivas para o futuro?

2ª PARTE – Perspetivas Futuras

Disclaimer  

Esta publicação é para efeitos meramente informativos e educacionais e nunca deverá ser entendida como uma recomendação de compra ou venda de ações. O BorjaOnStocks e a sua Equipa não assumem qualquer responsabilidade por eventuais perdas ou ganhos resultantes da informação obtida nesta publicação. Se necessitar de conselhos financeiros, procure sempre os serviços de um profissional devidamente autorizado e credenciado. 

Consulte o Disclaimer completo do BorjaOnStocks.