Sabesp: um monopólio natural em crescimento

1. Apresentação

A Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (SABESP – SBSP3.SA) é uma empresa de economia mista responsável pelo fornecimento de água, coleta e tratamento de esgotos de 366 municípios do Estado de São Paulo. É considerada uma das maiores empresas de saneamento do mundo em população atendida.

Se desejar conhecer o Perfil completo da empresa visite o seu website.

2. Principais Acionistas

Um pouco mais de metade das ações pertencem ao Governo do Estado de São Paulo, o restante está dividido entre a Bovespa e a NYSE:

3. Gráfico de Longo Prazo

As ações da Sabesp exibem uma tendência ascendente de longo prazo, especialmente a partir do final de 2002. Desde essa altura as ações valorizaram 873%, ao que corresponde uma taxa média anual de valorização de 16,4%.

Vejamos também o gráfico destas ações cotadas em Nova Iorque (SBS), pois a parte final é substancialmente diferente:

Em USD a subida desde 2002 foi de 707%, uma taxa média anual de 14,9%. Afinal, em termos de longo prazo, as diferenças entre a ação cotada em São Paulo e o ADS cotado em Nova Iorque são pequenas.

4. Evolução do Nº de Ações e Valor de Mercado

Depois de corrigidos todos os stock splits (como se dirá isto no Brasil?) e mudanças no nº de ações que cada ADS representa, verifico que o nº de ações emitidas pela Sabesp é sensivelmente o mesmo desde 2002.

O Valor de Mercado, que era de R$1 989 milhões, está agora nos R$19 405 milhões.

5. Evolução das Vendas e Price to Sales Ratio

Não existem dúvidas que a tendência de longo prazo das Vendas Anuais da Sabesp é ascendente. No ano de 2002 as Vendas foram de R$3 767 milhões e para 2016 os analistas estimam Vendas de R$11 691 milhões. A taxa média anual de crescimento das Vendas foi de 8,4%.

Entre 2002 e 2005 o Price to Sales Ratio, ou seja, o rácio entre o Valor de Mercado e as Vendas, esteve abaixo de 1, o que indicava subavaliação. No final de 2008 esse rácio voltou a cair abaixo de 1, até aos 0,65, o que significa que a Sabesp estava avaliada pelos investidores em apenas 65% das suas Vendas nesse ano. Foi uma bela oportunidade de compra:

Neste momento o PSR está no seu máximo histórico, o que poderá significar que a ação está sobre-avaliada. Talvez isto aconteça porque os analistas estão bastante otimistas para os próximos anos, pois prevêem um aumento das Vendas de 13% em 2017, de 12% em 2018 e de 6% em 2019.

6. Lucro, Margem Líquida e PER

Só em 2002 é que a Sabesp não foi lucrativa, desde aí tem dado Lucro todos os anos. Em 2014 e 2015 houve uma quebra abrupta, mas em 2016 os analistas esperam uma recuperação para um novo máximo histórico nos R$2 372 milhões. Vou ver como foram os três primeiros trimestres do ano. Pois, em 2015 houve ali um trimestre fortemente negativo …

… e em 2016 não. A anualização do Lucro dos três primeiros trimestres dá R$2 667 milhões, pelo que a estimativa dos analistas, que está nos R$2 372 milhões até poderá pecar por defeito.

Em 2018 e 2019 os analistas que seguem a empresa esperam um Lucro de quase R$3 000 milhões/ano.

O que mais impressiona na Sabesp é a margem líquida de lucro, ou seja, a percentagem de Lucro em função das Vendas, cuja média desde 2003 é de 15%. Esta margem tão gorda numa empresa de fornecimentos de serviços básicos à população sugere que a Sabesp é utilizada pelo acionista Governo Estadual de São Paulo como mais uma forma de arrecadar impostos. Os demais acionistas beneficiam grandemente com esta situação.

Em termos do múltiplo do Lucro …

… o Price to Earnings Ratio (PER) está na sua média histórica, nos 8. Oito anos de Lucro parece pouco para uma empresa em situação de monopólio natural.

7. Rácios do Balanço

O Balanço não é lá assim muito saudável, mas também não esperava que fosse. O Current Ratio está nos 0,83, quando deveria estar acima de 2 e o Debt to Equity Ratio está nos 1,27, quando numa situação ideal estaria abaixo de 0,5. O Price to Book Value está nos 1,27, o que significa que o mercado está a avaliar a Sabesp em 27% mais do que a contabilidade.

Nota: Se tiver necessidade de ajuda para compreender estes termos, consulte o Glossário

8. Último Relatório de Gestão

Estive a ler os relatórios e apresentações referentes ao 3º trimestre de 2016 e o mais informativo é o seguinte.

9. Perspetivas

A Sabesp é um monopólio natural com uma tendência crescente das suas Vendas e Lucros e a margem de lucro por vezes chega aos 20%. Apenas tendo em conta esta frase podemos dizer que é um investimento atrativo em termos de longo prazo.

Em relação à valorização atribuída pelos investidores neste momento, é elevada em termos históricos, mas, aos olhos de um investidor estrangeiro, parece-me atrativa. Tendo em conta os fundamentais não chocaria ninguém se o PER fosse o dobro.

A Sabesp é um investimento seguro (apesar do Balanço um pouco desequilibrado) e com elevado potencial de crescimento em termos de longo prazo. Gostei bastante.

10. Conclusão

Estou a estudar todas as ações do Bovespa com vista a criar um Portfolio com as 10 melhores, o Portfolio TOP10 São Paulo. A Sabesp é a 21ª ação de analiso e é uma forte candidata a figurar nesse Portfolio. Acompanhe todas as análises aqui.

Disclaimer

Esta publicação é para efeitos meramente informativos e educacionais e nunca deverá ser entendida como uma recomendação de compra ou venda de ações. O BorjaOnStocks e a sua Equipa não assumem qualquer responsabilidade por eventuais perdas ou ganhos resultantes da informação obtida nesta publicação. Se necessitar de conselhos financeiros, procure sempre os serviços de um profissional devidamente autorizado e credenciado. 

Consulte o Disclaimer completo do BorjaOnStocks.