Petrobras subiu 184% desde fevereiro

1. Apresentação

A Petrobras (PETR4.SA) é possivelmente a ação mais popular do Brasil e sofreu muito com escândalos atrás de escândalos de corrupção empresarial e política.

Apesar de todos os problemas está a valer cerca de €47 mil milhões, quase tanto como o conjunto de todas as empresas cotadas na Euronext Lisboa e é a 3ª empresa mais valiosa do Brasil, atrás apenas da Ambev e Itaú Unibanco.

2. Principais Acionistas

O free float é de 76% e o grande acionista estratégico da empresa é o Estado Federal do Brasil através do BNDES:

281

3. Gráfico de Longo Prazo

282

Um bull market de longo prazo até 2008 e um bear market de longo prazo desde então. Vejamos um gráfico mais de médio prazo:

284

Uma recuperação impressionante desde fevereiro de 2016. A minha call de fundo no petróleo nessa altura teria sido aproveitada de forma perfeita na Petrobras, também por causa da subida do BRL desde então.

4. Evolução do Nº de Ações e Valor de Mercado

285

Tinha ideia que a Petrobras era uma “diluidora”, mas não, o nº de ações é exatamente o mesmo que era em 2011, 13 044 milhões delas.

O Valor de Mercado está em cerca de R$163 mil milhões o que ao câmbio atual é, como vimos, qualquer coisa como €47 milhões.

5. Evolução das Vendas e Price to Sales Ratio

286

Os analistas estimam que as Vendas da Petrobras cresçam à taxa média anual de 10,3% entre 2015 e 2019. O Price to Sales Ratio está em cerca de metade do que estava em 2011.

6. Lucro e PER

287

Só em 2019 é que se espera que a Petrobras venha a obter um Lucro superior ao que teve em 2011. Os Prejuízos em 2014 e 2015 foram bastante pesados.

O PER 2016 está nos 30, mas o de 2017 já está em 11. O Lucro é bastante volátil e depende essencialmente do valor do barril de petróleo. Mas também depende do nível de produção.

Antes de falar das perspetivas vejamos o Balanço.

7. Rácios do Balanço

288

A tendência do current ratio é de descida (negativo) e a tendência do debt to equity ratio é de subida (negativo).

O Balanço da Petrobras deteriorou-se significativamente nos últimos anos.

8. Perspetivas
As ações da Petrobras tiveram um ressalto de 184% desde fevereiro de 2016 e podem continuar a valorizar-se porque o próprio preço do barril de petróleo deverá subir substancialmente nos próximos anos.
Mas, é esta uma boa empresa para investir para os próximos 100 anos? Julgo que não, nem para os próximos 20 anos. Agora, no curto/médio prazo tem potencial, especialmente especulativo.
No longo prazo a minha expetativa é que o Brasil vá ficando com cada vez menos petróleo e que o próprio mundo se movimente cada vez mais para energias alternativas ao petróleo.
9. Conclusão
As ações da Petrobras são boas para trading mas não para investimento. Como já tenho 40 anos e quero ser um investidor, não um trader, descarto a Petrobras como hipótese.
10. Disclaimer

Esta publicação é para efeitos meramente informativos e educacionais e nunca deverá ser entendida como uma recomendação de compra ou venda de ações. O BorjaOnStocks e a sua Equipa não assumem qualquer responsabilidade por eventuais perdas ou ganhos resultantes da informação obtida nesta publicação. Se necessitar de conselhos financeiros, procure sempre os serviços de um profissional devidamente autorizado e credenciado. 

Consulte o Disclaimer completo do BorjaOnStocks.