Hal Trust é dono de muita coisa

Bom dia,

Hoje vou analisar o Hal Trust, que é um nome que surgiu na última análise que realizei:

E refiro exatamente o seguinte nessa análise:

978

Portanto, o Hal Trust é um fundo de investimento que tem três grandes ativos:

  • 200,01 milhões de ações da GrandVision, que à cotação de €24,14, valem €4,83 mil milhões
  • 42,44 milhões de ações da Boskalis Westminster, que à cotação de 32,89 valem €1,4 mil milhões
  • 31,48 milhões de ações da SBM Offshore, que à cotação de €12,37 valem €389 milhões

Estas três participações juntas valem €6,62 mil milhões.

Porém o Valor de Mercado que tenho para o Hal Trust é de cerca de €14 mil milhões, por isso devem ter bastantes mais ativos para além dos mencionados. Pois, descobri que o Hal Trust também tem 48% da Vopak (uma cotada em Amesterdão que analisarei no futuro), que lhes dá €2,8 mil milhões de valor (total sobe para €9,42 mil milhões) e ainda 42% da Safilo, uma empresa fabricante de óculos cotada em Milão e esta participação acrescenta mais €189 milhões ao Hal Group (total nos €9,61 mil milhões)).

Puxa, estes tipos do Hal Group são mesmo ricos, vejamos a evolução da cotação em termos de longo prazo:

979

Pois, 1 euro investido no Hal Group em 1985 vale agora 178 euros. O retorno foi de 18,2% ao ano, ao longo de 30 anos, brutal! Mas … não tanto quanto o Warren Buffet 🙂

O HAL Group depois tem uma série de empreendimentos imobiliários, principalmente na área da grande Seattle, na costa Noroeste dos Estados Unidos. E ações de empresas que não são cotadas, relacionadas com coisas tão diferentes como fabrico de móveis, navios de carga, jornais, simulações de vôo, etc.

A cotação da ação do HAL Trust varia mais ou menos de acordo com o Net Asset Value calculado periodicamente pela empresa, que no final de 2015 estava nos €172 por ação:

980

Mas, o maior e mais valioso ativo do HAL Group é a GrandVision e a minha análise a essa ação não foi suficientemente atrativa.

Conclusão

Em princípio prefiro ações de empresas puras e não ações de fundos que contém uma série de empresas, cotadas e não cotadas, assim como outros tipos de ativos, tais como imobiliário. Por outro lado a posição na GrandVision representa cerca de 40% do valor do HAL Trust e não estou positivo nessa ação.

O HAL Group tem ainda posições significativas na Boskalis Westminster (já analisada), mas também na Vopak e na SBM Offshore, duas empresas cotadas na Euronext Amesterdão que ainda não analisei em profundidade. Depois de analisar estas duas voltarei ao HAL Trust, ou seja, partirei da avaliação das partes para depois chegar a uma conclusão mais sólida acerca do todo, do conglomerado, que é o HAL Trust.

Disclaimer  

Esta publicação é para efeitos meramente informativos e educacionais e nunca deverá ser entendida como uma recomendação de compra ou venda de ações. O BorjaOnStocks e a sua Equipa não assumem qualquer responsabilidade por eventuais perdas ou ganhos resultantes da informação obtida nesta publicação. Se necessitar de conselhos financeiros, procure sempre os serviços de um profissional devidamente autorizado e credenciado. 

Consulte o Disclaimer completo do BorjaOnStocks.