Ações do Sporting: Investimento ou Especulação?

Para responder à pergunta preciso começar por averiguar a história de algumas variáveis financeiras e de mercado.

Comecemos pelo gráfico com a evolução histórica das cotações da Sporting Clube de Portugal – Futebol, SAD:

564

Este gráfico contém as cotações desde que a Sporting SAD entrou em Bolsa no final de 1999 até ao dia de hoje. Bem sei que a qualidade do gráfico não é a melhor – o meu serviço Metastock não está a funcionar neste momento – mas dá para ver ali o máximo histórico nos 9,8 € em maio do ano 2000 e também o mínimo histórico, a 0,15 €, em dezembro de 2012.

A cotação atual, nos 0,95 € por ação, está 90% abaixo do máximo histórico e cerca de 500% acima do mínimo histórico.

Porém, se existiram alterações no nº de ações emitidas ao longo dos anos derivado de aumentos de capital – o que é provável, mas já vamos verificar – a evolução da cotação  não traduz de forma fidedigna as mudanças na capitalização bolsista, ou valor de mercado, da Sporting SAD.

Para efeitos de cálculo do valor de mercado eu utilizo o nº de ações em termos básicos, mas para outras medidas, como por exemplo o Price to Earnings Ratio, prefiro usar o nº de ações em termos diluídos. Nesta e noutras análises tentarei explicar estas diferenças.

Sendo assim, o nº de ações e correspondente valor de mercado (o valor de mercado é igual ao nº de ações a multiplicar pela cotação) da Sporting SAD, no final de cada ano fiscal, foi o seguinte:

565

O que esta tabela nos diz é que, apesar da cotação das ações estar 90% abaixo do máximo histórico, em termos de valor de mercado, o valor da Sporting SAD nunca foi tão alto como agora, nos 63,65 milhões de €.

No ano 2000 a Sporting SAD tinha 7 milhões de ações emitidas, agora tem 67 milhões. Se esta fosse uma small cap americana (pessoalmente tenho experiência a analisar esse tipo de ações) esta seria uma enorme red flag, ou sinal de aviso, para uma empresa com uma história altamente diluidora do valor dos acionistas.

Isto significa que o valor da Sporting SAD até pode aumentar ao longo do tempo, mas isso não ser refletido num aumento da cotação, pelo menos é isso que a história demonstra.

Quero averiguar ainda algumas métricas usuais, tais como o Price to Book Value (PBV), o Price to Earnings Ratio (PER) e o Price to Sales Ratio (PSR).

PBV = Valor de Mercado/Valor Contabilístico = 63,65/10,02 =  6,35

O Valor de Mercado é mais de 6 vezes superior ao Valor Contabilístico.

PER = Valor de Mercado/Resultado Líquido = 63,65/29,5 = 2,16

O RL que apresento advém da anualização dos 22,125 milhões € de lucro obtidos nos primeiros nove meses do ano, mas este resultado foi fortemente influenciado pela fusão por integração da Sporting Património e Marketing na Sporting SAD, pelo que estes resultados não são recorrentes e o PER perde valor como indicador de avaliação das ações.

PSR = Valor de Mercado/Vendas Anuais = 63,65/42,64 = 1,49

As Vendas Anuais que apresento são o resultado da anualização das vendas dos  primeiros 9 meses do ano. A Sporting SAD vale atualmente uma vez e meia aquilo que vende num ano.

Comparando os resultados dos últimos anos é evidente que houve uma recuperação muito significativa das contas da Sporting SAD, com os prejuízos de 85 milhões € em dois anos a passarem a lucros e o Capital Próprio a passar de negativo em cerca de 119 milhões € para positivo em 10 milhões €.

Tudo isto é ótimo para a Sporting SAD, mas as ações já subiram 500% do seu mínimo e a capitalização bolsista está no seu valor mais alto de sempre, portanto podemos suspeitar que a evolução fundamental já está refletida na cotação de mercado.

Gostaria ainda de comparar o valor de mercado da Sporting SAD com o da Benfica SAD e FCPorto SAD e ainda com as SAD dos maiores clubes do mundo, como por exemplo o Manchester United, que tem um valor de mercado de 2.550 milhões de euros, ou seja, 40 vezes mais que o Sporting!

O Manchester United vale cerca de 7 vezes mais do que vende num ano e as ações do Sporting teriam de subir mais de 300% para obterem a mesma valorização em termos de múltiplo das vendas.

Em relação aos 14 milhões € da ida ou não ida à fase de grupos da Liga dos Campeões, é um valor significativo, mas esta é uma questão mais especulativa que estrutural. Se o Sporting passar o play off – e eu acredito que passe, eu e os meus filhos somos sportinguistas de coração – é provável que as ações subam inicialmente, mas depois haja lugar à tomada de mais valias, pois a subida já foi bastante acentuada nos últimos dois meses desde a contratação de Jorge Jesus. Se não passar o play off, as ações provavelmente descerão em reação à notícia, mas não é o fim do mundo para os acionistas do Sporting.

Esta análise foi mais centrada na história, pois queria saber qual era a base fundamental para responder à questão que coloquei no título, e terá de ser mais aprofundada com os novos desenvolvimentos.

A Sporting SAD está numa situação bastante dinâmica e a evolução é no sentido positivo, mas a história da empresa, nomeadamente os recorrentes aumentos de capital para fazer face a prejuízos (a Sporting SAD tem um prejuízo acumulado de 213 milhões de euros desde a sua fundação em 1997), dizem-me que estas ações são mais para especulação que para investimento.

Ou seja, são ações para comprar e vender nos momentos certos – para isso é necessária muita habilidade, até porque a liquidez não abunda – e não para comprar e guardar, a não ser que seja por motivos emocionais. As emoções não costumam ser boas conselheiras no que aos investimentos em ações diz respeito.

As ações da Sporting SAD continuarão a ser seguidas no https://borjaonstocks.com/pt/. Torne-se nosso fã no Facebook e subscreva a nossa newsletter para tomar conhecimento de desenvolvimentos a esta análise  e para receber análises a outras ações.

Agradecido pelo interesse,

César Borja

Esta publicação é para efeitos meramente informativos e educacionais e nunca deverá ser entendida como uma recomendação de compra ou venda de ações. O BorjaOnStocks e a sua Equipa não assumem qualquer responsabilidade por eventuais perdas ou ganhos resultantes da informação obtida nesta publicação. Se necessitar de conselhos financeiros, procure sempre os serviços de um profissional devidamente autorizado e credenciado. 

Consulte o Disclaimer completo do BorjaOnStocks.