Análises às ações da Impresa

Impresa: Resultados 2019

A Impresa apresentou Resultados de 2019, um Lucro de 7,8 M€, o que coloca o PER nos 4,4. Nesta análise analiso os resultados, respondo a questões dos Subscritores e teço perspetivas para o futuro.

Ler mais »

Foco na história de investimento da Impresa

1. Contexto Histórico Ontem já estive a ler o comunicado com os resultados da Impresa, mas agora vou recuar e reler as análises anteriores para entrar no contexto: Impresa: um yô-yô descendente Resultados 2015: Impresa 1º Trimestre: Impresa 1º Semestre 2016: Impresa Impresa não é melhor que Cofina Comentário à

Ler mais »

Prejuízos na Impresa no 1º trimestre. Qual é a surpresa?

1. Contexto Histórico Após muita resistência, demonstrada nas oito análises anteriores e no tópico da Impresa no Fórum, lá acedi a colocar 5% do capital do TOP10 Lisboa na Impresa: A Cristina Ferreira torceu-me o braço! Foi uma entrada com mau timing, pois a ação agora está significativamente mais baixa.

Ler mais »

A Cristina Ferreira torceu-me o braço!

1. Contexto Histórico O café do terminal de autocarros abre às 5:30 e costumo ir lá tomar o pequeno almoço, um sumo de laranja natural e uma sandes de fiambre, por 3 €. Em vez de continuar a ler coisas no telemóvel (lá tive de arranjar um), dá-me prazer ler

Ler mais »

Comparativo: Cofina, Impresa e Media Capital

Pensei que seria interessante fazer um comparativo entre as três, averiguando a evolução de nove métricas fundamentais: Capitalização Bolsista, Receitas, EBITDA, Dívida Líquida, Net Debt/EBITDA, EV/EBITDA, Resultado Líquido, PER e Goodwill.

Ler mais »

Cristina Ferreira versus Problemas Fundamentais da Impresa

1. Contexto Histórico Nos últimos dias os investidores começaram a interessar-se mais pela Impresa por causa do sucesso do novo programa de Cristina Ferreira nas manhãs da SIC, que teve o impulso extra do telefonema em direto do Presidente da República, bastante polémico e comentado nas redes sociais. As audiências

Ler mais »

Comentário à Impresa

Antes de mais, vou reler as cinco análises que produzi anteriormente sobre a Impresa: Impresa: um yô-yô descendente Resultados 2015: Impresa 1º Trimestre: Impresa 1º Semestre 2016: Impresa Impresa não é melhor que Cofina Penso que tenho estado bem enquadrado na história da Impresa. É verdade que poderia ter aproveitado

Ler mais »