7 ações espanholas que são as maiores do mundo

Cá em Portugal só temos uma empresa cotada que é líder económico mundial na sua indústria, a nossa querida Corticeira Amorim, que é a maior do mundo dos produtos de cortiça.

Mas em Espanha é surpreendente a quantidade de empresas cotadas que são as maiores do mundo na sua indústria específica. Muitas delas provavelmente nunca ouviu falar… neste texto vou descrever sucintamente 7 empresas espanholas cotadas que são as maiores do mundo na sua indústria.

1ª – Azkoyen

Empresa líder mundial nas vending machines, aquelas máquinas dispensadoras de cafés, bebidas, alimentos e até trocos nas pastelarias:

A Azkoyen está com um valor de mercado de 139 M€, em 2022 obteve receitas de 170,8 M€ e um lucro de 14,9 M€.

Não há analistas dos bancos de investimento e casas de research a seguir os desenvolvimentos e estabelecer estimativas para esta small cap espanhola. O gráfico desde 1994 é o seguinte:

2ª – Deoleo

Espanha produz 62% do azeite mundial e a Deoleo é a maior produtora de azeite do mundo, comercializando-o através de uma série de marcas, principalmente italianas:

A guerra na Ucrânia gerou uma escassez de óleo de girassol no mercado mundial e aumentou a procura pelo substituto azeite. Essa situação fez a Deoleo disparar 67% em sete dias, porém depois descaiu para um nível mais baixo:

A recente alta de preços do azeite não beneficiou os lucros da Deoleo, pois teve origem na fraquíssima colheita de azeitonas, com a quantidade produzida de azeite a baixar consideravelmente.

3ª – Fluidra

O maior mercado do mundo para os construtores de piscinas…

Análises às ações da Fluidra

…e vendedores de máquinas e produtos de manutenção é naturalmente os Estados Unidos, pelo que seria de pensar que a maior do mundo dessa indústria fosse uma empresa norte-americana. Mas não, a espanhola Fluidra, cujas receitas advêm em 44% da América do Norte…

…é a maior do mundo das piscinas, com marcas como AstralPool, Polaris, Zodiac e CTX, que é a marca de produtos de desinfeção de piscinas mais famosa.

Com a covid e os confinamentos toda a gente quis ter uma piscina e a Fluidra teve um boost nas suas vendas, lucros e claro, na cotação, que entretanto corrigiu significativamente:

A Fluidra tem um valor de mercado de 3565 M€ e pertence ao índice IBEX35.

4ª – Grifols

Não sei se o caro leitor já alguma vez deu sangue, eu já dei uma ou duas vezes e em Portugal o sistema funciona em regime de voluntariado, mas no estrangeiro, nomeadamente nos Estados Unidos, pagam às pessoas para dar sangue.

Esse sangue depois é vendido aos hospitais, a farmacêuticas para testes, serve para fazer medicamentos, desenvolver tratamentos, etc.

Novamente, o mais natural seria que fosse uma empresa dos Estados Unidos a dominar esse mercado, mas não, nuestros hermanos fundaram em Barcelona, em 1909, aquela que viria a ser a maior empresa do mundo do plasma, a Grifols, cujas vendas em 2022 tiveram origem, em 64%, nos Estados Unidos e Canadá:

A Grifols exibia uma tendência ascendente desde o IPO de 2006, porém em 2020 a tendência inverteu:

O lucro baixou dos 718 M€ em 2019 para “apenas” 234 M em 2022.

A Grifols está a valer 5471 M€ na bolsa de Madrid e também pertence ao índice IBEX35.

5ª – Inditex

Esta conhece de certeza, é a dona da Zara, Pull&Bear, Massimo Dutti, Bershka, Stradivarius, Osho, Zara Home e Uterque.

O maior acionista da Inditex, Amâncio Ortega, é atualmente o 13º homem mais rico do mundo, com uma fortuna avaliada em cerca de $97 B… a Inditex foi-se um bocado abaixo com o fecho de lojas na Rússia (que representava 11% das receitas) e a concorrência da chinesa SHEIN, mas recuperou o terreno todo e estabeleceu um novo máximo histórico:

Pena que haja quem não tenha tido mãos suficientemente fortes para segurar este colosso 😕

6ª – Prosegur

A Prosegur tem uma presença muito forte na América Latina (51% das vendas)…

…e é uma das três maiores, senão a maior, empresa de segurança do mundo. 48,3% da receita de 2022 foi de serviços de segurança e 44,9% do transporte de dinheiro físico:

No outro dia fui ao BPI e fiquei surpreendido por estar lá uma máquina que permitia levantar até 5000 € em dinheiro.

A Prosegur foi uma enorme winner até 2018, tendo subido 2.400% desde a entrada em bolsa, porém desde 2018 que está a desvalorizar:

Recentemente a maior acionista da Prosegur, Helena Revoredo Delvecchio, que detém 59,8% do capital, lançou uma OPA parcial, pretendendo comprar mais 15% do capital por 1,83 € por ação.

7ª – Viscofan

Finalmente a Viscofan, que é a maior do mundo de uma coisa um pouco estranha e chata… estão a ver aquela espécie de pele plástica que envolve os chouriços, salames, salpicão, paio, etc? É isso!

Aqui já faz todo o sentido que seja uma empresa espanhola a maior do mundo… uma das caraterísticas de muitas lojas espanholas é terem uma série de presuntos e chouriços pendurados para os clientes apreciarem.

Eu adoro chouriço (a minha tentativa de ser vegan durou 1 dia e meio), mas não gosto lá muito de tirar aquele invólucro… já a margem líquida que a Viscofan obtém a vender esses produtos, nos 11,6% em 2022, acho ótima.

Conclusão

Ficou a conhecer – de forma muito superficial – 7 empresas espanholas cotadas que são as maiores do mundo nas suas respetivas indústrias. Não são as únicas.

Claro que é preciso estudar e saber muito mais para tomar decisões de investimento bem fundamentadas.

No Borja on Stocks já publicámos 238 análises fundamentais a ações espanholas (publicamos pelo menos uma nova por semana) e gerimos o TOP10 Madrid, que contém as 10 ações cotadas na Bolsa de Madrid que consideramos mais atrativas para investimentos a longo prazo.

César Borja

Picture of <a href="https://www.linkedin.com/in/cesar-borja/" target="_blank" rel="noopener">César Borja</a>

Licenciado em Economia pelo ISEG e investidor particular em ações desde 1998.
Concluiu a Pós-Graduação em Análise Financeira no ISEG, tendo obtido a certificação CEFA. Também passou no exame CFA Level I.  

Disclaimer

Esta publicação é para efeitos meramente informativos e educacionais e não deverá ser entendida como uma recomendação para comprar ou vender ações.

Se entender esta publicação como uma recomendação, tenha em conta que ela é generalista e poderá não ser adequada ao seu perfil de risco, que é único. A sua situação financeira individual não foi tida em consideração pelo Autor da análise, que desconhece o perfil de risco e objetivos de cada um Subscritores do Borja on Stocks.

Se necessitar de conselhos financeiros personalizados, procure sempre os serviços de um profissional devidamente credenciado e autorizado pela CMVM.

O Borja on Stocks e a sua Equipa não assumem qualquer responsabilidade por eventuais perdas ou ganhos resultantes da informação obtida nesta publicação.

Esta publicação é propriedade intelectual de BBTOP20 – Produção de Conteúdos, Lda e destinada apenas aos Subscritores do site Borja on Stocks. As informações e opiniões contidas nesta publicação são confidenciais. É proibida a sua transmissão ou difusão, em todo ou em parte, sem autorização expressa.

Consulte o Disclaimer completo do Borja on Stocks.

Artigos Relacionados

Bem-vindo de volta!

Recupere a sua palavra-passe

Por favor, insira o seu nome de utilizador ou email para redefinir a sua palavra-passe.

Iniciar sessão